Paixão e desafio intelectual

Na sexta-feira, meu amigo Ricardo Calil disse que conseguia entender mais quem torcia pelo Corinthians do que quem era indiferente ao futebol e nem time tinha. Doeu fundo no peito desta que vos escreve, indiferente ao futebol, sem time. Como inventar uma paixão por vontade própria, só para ser mais compreendida, eu não consigo, resolvi me aproximar do futebol da melhor maneira que encontrei: lendo sobre ele. Será que vou chegar perto pelo menos dos corintianos?

“Veneno remédio – O futebol e o Brasil”, do Zé Miguel Wisnik, foi lançado no ano passado, ou no outro, e era o único livro dele que eu tinha certeza que jamais leria. Pois estou lendo e adorando, acreditam? Logo, logo eu tenho assunto para os almoços futebolísticos, para os intervalos de jogo, para as cervejas no bar durante a Copa. Enquanto isso, e enquanto eu não escrevo um texto de verdade sobre o livro, fiquem com esse trechinho que acabei de ler.

“Não se pretende negar aqui o lugar perfeitamente legítimo dos indiferentes ao futebol. Mas, para quem o imaginário da história é o avanço da consciência plena rumo a um horizonte salvífico, o jogo parece regredir sempre, num ciclo irritante, ao ponto de partida. Para aqueles outros que, imbuídos de uma teoria crítica geral, que não veem sinais de vida na catástrofe do mundo, o jogo é destituído de graça, além de participar em bloco do processo de dominação. Para quem a vida se alimenta, no entanto, na sua multiplicidade aberta, de uma margem irrecusável de desejo e acaso – em uma palavra, de jogo -, o futebol pode ser objeto simultâneo de paixão e desafio intelectual. Essa disposição não é muito diferente daquela que é pedida pela arte – que supõe certa dose de aceitação da violência simbólica e da gratuidade.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: