Livros para quem tem distúrbio de atenção

Um moço de São Francisco que trabalha com marketing escreveu seu primeiro livro, The French Revolution, e não conseguiu que nenhuma editora publicasse. Então ele cortou os 480.000 toques em 3700 partes de 140 toques e, sim, está publicando no Twitter. Quase mil pessoas estão seguindo. Depois fez um site com o livro todo. Se quiser tentar, leia aqui a versão twittada (“To be honest, I don’t think anybody’ll weed through all my teets”, ele disse) ou aqui, no modo já arcaico de um site, o romance (e outras informações da figura).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: